Zelda: uma nova obra antes do esperado?

Muito esperado, o próximo jogo A lenda de Zelda deveria poderia sair antes do esperado. Boas notícias para os fãs do videogame cult. Com o lançamento de Breath of the Wild recentemente, a Nintendo provou que a editora pode renovar suas licenças históricas.

A Game Informer divulgou a notícia primeiro. Como uma das mídias americanas mais influentes na esfera dos videogames, o site é muito apreciado por jogadores de todo o mundo.

No recente podcast do Game Informer Show, a revista de fato revelou algumas informações interessantes.

Durante uma discussão em equipe sobre as próximas aventuras de Link, Imran Khan disse que o próximo Zelda deve estar disponível muito mais cedo do que o esperado, sem dar mais detalhes.

O próximo Zelda pode estar disponível em breve

Curiosos, seus colegas naturalmente lhe pediram mais detalhes sobre a próxima obra. Eles queriam esclarecer se era The Legend of Zelda: Tri Force Heroes, o que o interessado não confirmou.

Apesar desta informação, devemos levar esta notícia com um grão de sal. O melhor é esperar por uma possível confirmação oficial.

Sendo o Game Informer um dos primeiros informados sobre a data de lançamento dos jogos, o site deve dar mais informações nas próximas semanas. Enquanto isso, a Nintendo não revelou nenhuma informação oficial até agora. Assim, esta notícia ainda é classificada como um rumor.


Zelda, um jogo histórico

A Nintendo tem várias licenças emblemáticas no seu catálogo e Zelda é inegavelmente uma delas.

Lançada em 1986 por Shigeru Miyamoto e Takashi Tezuka, a licença rapidamente se impôs no mercado pelas qualidades dos cenários de seus títulos e pela riqueza de seu universo. Link se tornou uma celebridade, assim como Zelda e Ganondorf.

Breath of the Wild, por sua vez, marcou uma ruptura ao mergulhar os jogadores em um mundo aberto gigantesco e extremamente rico. Lançado ao mesmo tempo que o Switch, também foi um grande sucesso e contribuiu muito para a popularização do pequeno console.

Artigos Relacionados

Back to top button