UPS e CVS em colaboração para entrega de medicamentos por drones

Em meio à pandemia de Coronavírus, aposentados da comunidade muito fechada The Village na Flórida são convidados a ficar em casa para limitar o contato com outras pessoas e evitar o risco de contágio.

As duas empresas UPS e CVS decidiram colaborar para desenvolver uma solução que atenda às necessidades dos moradores da comunidade. Este é um serviço de entrega que oferece o uso de drones para entregar medicamentos a eles.

drone

A dupla quer aproveitar a oportunidade para colocar em prática seu know-how na entrega de drones. A UPS e a CVH também estão cientes da necessidade de sua contribuição na luta contra o Coronavírus, esse flagelo que está parando o mundo.

Como está sendo a entrega?

A UPS e a CVH planejam usar os drones quadcopter M2 da Matternet para entregar as drogas. O dispositivo é capaz de transportar 2,3 quilos de mercadorias em uma distância de 20 quilômetros.

Com permissão da Administração Federal de Aviação, o serviço deve começar no início de maio deste ano, permitindo que os idosos fiquem em casa.

No momento, apenas medicamentos essenciais e prescritos podem ser encomendados. Eles serão entregues primeiro por drones em um local designado perto do The Village, onde um motorista os pegará para cuidar da última milha e entregá-los aos moradores.

Drones para entregas futuras

Esta experiência não é totalmente nova para a UPS. De fato, a empresa já usou drones no passado que realizaram mais de 3.500 voos em Cary e no hospital WakeMed Raleigh, na Carolina do Norte.

Além disso, nos Estados Unidos, a UPS é a primeira empresa a obter autorização para voar um número indefinido de drones ou voar à noite.

Esta licença é essencial para a empresa porque, se tudo correr bem nestes tempos de crise, vai permitir-lhe expandir as suas atividades para garantir entregas noutras zonas mas também para outras farmácias CVS.

Artigos Relacionados

Back to top button