Uma IA para enganar os golpistas da web

Os golpistas, também chamados de grazers ou scams, são numerosos na internet. Eles encontram suas vítimas enviando e-mails para muitos endereços diferentes. Geralmente, eles atraem os usuários da Internet com uma quantia substancial para extrair deles informações pessoais ou mesmo dinheiro. Ultimamente, uma Inteligência Artificial vem sendo desenvolvida com o objetivo de maltratá-los.

O algoritmo foi projetado por uma organização neozelandesa independente e sem fins lucrativos chamada Natsafe. Como resultado, o produto está disponível gratuitamente. Batizado Re: scam, este é concretamente um chatbot. Seu papel é discutir com os golpistas desviando a conversa para que ela se torne interminável.

Re: Golpe

Então, o Re:scam perderá tempo para os pastores. Atualmente está sendo testado na Nova Zelândia. Por enquanto, apenas a versão em inglês está disponível.

Longe do robô frio e distante

Se o internauta desejar usá-lo, basta enviar o e-mail suspeito para este endereço: [email protected] A inteligência artificial cuidará do resto. Ela vai jogar o jogo fazendo ao golpista cerca de dez perguntas, e tal será levado quem acreditou tirar.

O algoritmo é sofisticado o suficiente para evitar a detecção. Para isso, ele usa uma infinidade de identidades diferentes. Além disso, para não soar como um robô, ele comete erros de ortografia intencionalmente.

Ele também é capaz de humor.

Uma IA disponível para usuários da Internet

A ONG Netsafe é presidida por Martin Cocker. “Estamos preocupados com o crescimento do número de e-mails fraudulentos, enquanto as vítimas são, em sua maioria, completamente indefesas”, explicou. Ele acredita que, a partir de agora, os internautas que enfrentarem esse problema não ficarão mais desamparados.

A ONG publicou um exemplo que ilustra como o Re:scam funciona.

Assim, a mensagem obscura pede informações bancárias. As recompensas seriam a soma de cinco milhões de dólares por semana, bem como a participação no grupo secreto dos Illuminati.

Re:scam respondeu com uma pergunta: “os illuminati têm noites de bingo”. Ela também sugeriu enviar sucessivamente os números associados à sua conta bancária.

Artigos Relacionados

Back to top button