Toyota quer acender a chama dos Jogos Olímpicos de Tóquio com um carro voador

Os próximos Jogos Olímpicos serão agendados para o ano de 2020. Eles serão realizados em Tóquio, no Japão. A Toyota, fabricante de automóveis japonesa, quer aproveitar esta oportunidade para demonstrar uma nova tecnologia. Concretamente, o grupo vai investir numa jovem start-up chamada Cartivator para desenvolver um carro voador elétrico. A ideia é que este último carregue quem acender a chama olímpica.

A Cartivator é uma empresa formada por engenheiros voluntários. A equipe é liderada por Masafumi Miwa, especialista em drones da Universidade de Tokushima. A tecnologia do futuro carro voador de três rodas será inspirada nesses objetos voadores. Capaz de decolar de qualquer caminho, ele se chamará SkyDrive.

carro voador olímpico

A Toyota pretende apoiar o projeto investindo quarenta milhões de ienes, ou cerca de 320.000 euros no start-up. O primeiro protótipo deve voar no próximo ano.

Um monolugar de três rodas

O SkyDrive, segundo a descrição de seus projetistas, seria uma máquina monolugar de três rodas. Equipado com quatro rotores, seria capaz de decolar verticalmente. É uma espécie de drone em uma versão maior. Teria, no interior, um assento e uma posição de condução em posição central.

Medindo 2,9 metros de comprimento e 1,30 metros de largura, o SkyDrive seria o menor veículo desse tipo. Usando sua propulsão elétrica, poderia dirigir até 150 km/h. Também seria possível para ele chegar a dez metros de altitude. No ar, podia se mover a uma velocidade máxima de 100 km/h.

Toyota quer surpreender

Os fabricantes da máquina prometem oferecer pilotagem “fácil” e “intuitiva”. Além da ajuda financeira, a Toyota também está comprometida em fornecer outros engenheiros para a start-up que projetará o carro futurista. Além disso, como parte deste projeto, o Cartivator também é financiado por Taizo Sun, o fundador do site GungHoOnline.

Através deste projeto, a montadora japonesa está mostrando seu desejo de oferecer um show inédito para surpreender o mundo inteiro. Segundo ele, a visão do portador da tocha transportado pelo SkyDrive durante a cerimônia de abertura só emocionará os espectadores.

O carro deve decolar e voar para a bacia situada várias dezenas de metros acima do estádio.

Créditos da imagem

Artigos Relacionados

Back to top button