Sudeste Asiático: Volocopter está testando as melhores rotas para seus táxis voadores

A empresa Volocopter está embarcando em um experimento sem precedentes para rastrear e determinar as rotas dos táxis aéreos que planeja operar no Sudeste Asiático. Para este passo nunca antes dado, terá sido necessária a colaboração da GRAB para melhor compreender este novo ambiente comercial.

Ressalta-se que o GRAB é um aplicativo VTC utilizado no tráfego rodoviário e aéreo, principalmente helicópteros na Ásia.

Um memorando de entendimento foi assinado entre as duas partes para poder iniciar o teste. Até agora, a dupla não pode afirmar que esta experiência é uma simples aventura, mas a Volocopter está determinada a fazer o teste para conhecer todos os perigos deste projeto.

O objetivo é encontrar as melhores rotas para que os táxis aéreos possam levar seus passageiros de um lugar para outro, evitando os engarrafamentos e outros possíveis problemas normalmente encontrados no transporte terrestre. Este é um grande passo em direção a uma nova tecnologia de transporte que resolverá muitas preocupações dos usuários da estrada.

Uma solução de transporte inovadora

O protótipo de táxi voador da Volocopter parece mais um mini-helicóptero equipado com um halo de 18 rotores. Trata-se de um meio de transporte capaz de voar e deslocar-se rapidamente de um ponto a outro.

Só pode transportar uma pessoa, mas a vantagem é que pode voar com ou sem piloto.

A Volocopter projetou especialmente seu táxi aéreo para viagens curtas: ou seja, para transporte de cidade em cidade, não muito longe um do outro. Foi anunciado que os passageiros serão transportados de um VoloPort para outro, mas não de aeroporto para aeroporto.

No entanto, a longo prazo, o objetivo da Volocopter é oferecer um meio de transporte capaz de conectar as principais cidades do Sudeste Asiático, como Cingapura, por exemplo.

Um projeto muito ambicioso com enormes perspectivas

A Volocopter tem grandes ambições para seus táxis voadores. Quanto ao Sudeste Asiático, o objetivo da empresa é, de fato, ter um VoloPort capaz de atender até 10.000 passageiros por dia até 2035. Essa é uma meta enorme, mas a empresa pretende cumpri-la. Ela planeja ter dezenas de VoloPorts em Cingapura até então.

A priori, nada deve impedir a realização deste ambicioso projeto: o protótipo do táxi voador já está de fato desenvolvido enquanto os primeiros testes já foram realizados com sucesso nos Estados Unidos. Muitos já estão esperando impacientemente para ver esses famosos táxis voadores finalmente pousar em nossos céus!

Artigos Relacionados

Back to top button