SpinLaunch testará seu sistema de catapulta com uma carga útil da NASA este ano

Com a corrida espacial em pleno andamento, os cientistas continuam procurando as melhores maneiras de enviar objetos ao espaço com um custo mínimo. A SpinLaunch é uma das entidades que encontrou uma técnica que poderia reduzir o consumo de combustível dos foguetes. É um sistema baseado no uso de energia cinética.

Recentemente, a NASA assinou um contrato com a SpinLaunch para um voo de teste que acontecerá este ano. Segundo representantes da empresa com sede na Califórnia, este teste, que lançará uma carga da NASA, permitirá à agência espacial obter dados importantes que serão usados ​​para identificar futuras oportunidades de lançamento.


Hardware SpinLaunch
Créditos SpinLaunch

Este novo acordo, chamado de Space Act Agreement, faz parte do Programa de Oportunidades de Voo da NASA. Este programa testa tecnologias que podem fortalecer os portfólios de ciência e exploração da agência e também permitir o crescimento da indústria de voos espaciais privados.

O método SpinLaunch

A estratégia desenvolvida pela SpinLaunch envolve acelerar os foguetes a velocidades muito altas em terra firme antes de liberá-los. A empresa faz isso girando o foguete usando um braço giratório antes de soltá-lo para o céu. Os motores do foguete só serão acionados quando o foguete já estiver em alta altitude. Isso reduzirá, entre outras coisas, a quantidade de combustível usada e o dinheiro gasto para chegar à órbita.

O SpinLaunch já realizou uma série de testes do Spaceport America no Novo México usando seu acelerador suborbital. Segundo relatos, a empresa planeja realizar os primeiros testes de voo orbital em 2025.

Um marco importante

De acordo com o CEO e fundador da SpinLaunch, Jonathan Yaney, este novo acordo com a NASA representa um marco importante para a empresa. A empresa disse em um comunicado que o SpinLaunch oferece um serviço de voo suborbital exclusivo e teste de alta velocidade. Este acordo com a NASA marca, assim, uma mudança importante na qual a empresa passa do desenvolvimento tecnológico para as ofertas comerciais.

Yaney disse que espera anunciar mais parceiros e clientes em um futuro próximo.

FONTE: Space.com

Artigos Relacionados

Back to top button