Resident Evil 3 fará grandes mudanças na história original e será orientado para a ação

O remake de Resident Evil 2, que vendeu muito melhor que o original, foi uma oportunidade para as equipes da Capcom apresentarem uma proposta diferente. Câmera em terceira pessoa, adição de Mister X, modificação da delegacia de polícia com novos quebra-cabeças, todas as cartas estavam no lugar para tirar a poeira de um jogo cult. Nesta empresa de renovação, a empresa japonesa também terá revelado o remake de Resident Evil 3, que agora beneficia de um primeiro trailer. Um remake que obviamente será diferente do original, mantendo um fio vermelho mais ou menos semelhante.

Essas mudanças foram mencionadas por Peter Fabiano e Masao Kawada, dois produtores do título, ao microfone da Famitsu – retransmitida pelo ComicBook.

A oportunidade para os dois companheiros nos contarem mais sobre esse remake esperado para 2020.

O lado da ação será privilegiado em Resident Evil 3

Resident Evil 3 será mais orientado para a ação do que Resident Evil 2. Isso é anunciado pelos produtores do título no microfone da Famitsu. Mas que os fãs fiquem tranquilos: com a nova virada de sobrevivência da série, não há dúvidas de que a ação não será desmiolada como um Resident Evil 5 ou Resident Evil 6, muito criticado pelos fãs. Imaginamos que a encenação dará lugar a momentos mais “explosivos”.

Mas o cenário também será diferente, com trabalho nos personagens. Assim, o design da heroína, Jill Valentine, foi pensado para corresponder à ação e dar-lhe um lado cativante para os jogadores. Dario Rosso também terá um papel muito mais importante: no original, ele oferece abrigo ao ex-integrante do STARS É preciso dizer que, na época, os limites em termos de escrita estavam muito presentes. Novas tecnologias ajudarão a aprofundar a psicologia dos heróis. De sua parte, Carlos deveria ser mais maduro, mantendo o humor que era seu sal.

Os Caçadores também serão diferentes. Répteis com garras longas, as equipes da Capcom prometem uma nova abordagem à criatura. Este último sem dúvida será mais assustador, como os Lickers no remake de Resident Evil 2.

Embora o jogo esteja disponível em 3 de abril no XBox One, PlayStation 4 e PC (no Steam), a Capcom nos diz que o desenvolvimento está quase completo. Este último já está em 90% com os últimos ajustes das equipes do estúdio.

Artigos Relacionados

Back to top button