Reino Unido: O2 finalmente lançou sua rede 5G, mas apenas em seis locais

Meses após os concorrentes EE e Vodafone, O2 finalmente lançou sua rede 5G no Reino Unido. Assim, desde 17 de outubro, a rede está acessível em seis locais, que são Londres, Belfast, Edimburgo, Cardiff, Leeds e Slough. Segundo relatos, a rede será estendida para mais 20 cidades até o final de 2019.

Mark Evans, CEO da Telefónica UK, disse acreditar que o 5G irá revolucionar a forma como as pessoas e as empresas usam a conectividade móvel. Segundo ele, isso trará novas oportunidades para a economia e a sociedade.

Segundo informações, os clientes da O2 quem subscrever ofertas ilimitadas poderá aceder à rede 5G sem pagar custos adicionais.

Mais liberdade para os consumidores

De acordo com O2, as ofertas 5G da operadora permitem que os clientes tenham controle e liberdade para escolher a duração do contrato. Esse também é o caso da transferência de dados e dos custos iniciais de seu dispositivo habilitado para 5G. A empresa também acrescentou que os clientes podem escolher o valor do pagamento inicial e como dividir o custo restante entre 3 e 36 meses. Eles também poderão aumentar ou diminuir sua taxa de transferência de dados 5G todos os meses de acordo com suas necessidades.

Além disso, os amantes da música poderão desfrutar do acesso ao MelodyVR que lhes será oferecido. Esta plataforma de música permite que você assista a shows ao vivo sem se mover, usando um fone de ouvido de realidade virtual.

Um requisito material

Segundo a empresa, o único requisito para aproveitar o 5G é a posse de um smartphone compatível. Em relação a esta questão, O.2 atualmente oferece 4 modelos de dispositivos compatíveis com 5G que são o Samsung Galaxy S10 5G, o Samsung Galaxy Note10+ 5G, o Samsung Galaxy A90 (5G) e, finalmente, o Xiaomi Mi MIX 3 5G.

O governo britânico apoia as iniciativas das empresas de telecomunicações no que diz respeito à rede 5G. Segundo Matt Warman, ministro do Digital, o Estado quer que o Reino Unido se torne líder mundial na área de 5G. Além disso, o governo quer que a maioria da população tenha acesso à rede 5G até o ano de 2027.

Artigos Relacionados

Back to top button