Qualcomm Inc. vence segunda batalha legal contra a Apple

Qualcomm Inc. ganhou outra vitória legal na Alemanha na semana passada. Pela segunda vez, este fornecedor de chips de renome internacional ganhou seu caso após uma batalha tumultuada com a Apple.

O objeto da disputa: a proteção de uma patente. Esta decisão judicial obriga a famosa empresa americana a retirar alguns milhões de iPhones do mercado alemão.

Segundo golpe para a marca Apple que, há algumas semanas, foi obrigada a cancelar a venda de quatro gerações de iPhone em solo chinês. A Qualcomm Inc. obteve com sucesso uma ordem do Tribunal Popular de Fuzhou na segunda-feira, 10 de dezembro. A empresa espera vencer a Apple em todas as frentes.

A Apple como a Qualcomm Inc. sofre com esses confrontos que persistem há meses.

Apple forçada a retirar iPhones do mercado alemão

No mesmo dia do veredicto, quinta-feira, a Apple anunciou oficialmente que os modelos mais antigos do iPhone não estarão mais disponíveis no mercado alemão. A marca americana mantém todas as vendas na China.

A Qualcomm Inc. diz que está muito feliz com essas decisões e espera estender sua vitória internacionalmente. Em uma declaração oficial, seu conselheiro geral Don Rosenberg disse:

“Dois tribunais respeitados em duas jurisdições diferentes nas últimas semanas confirmaram o valor das patentes da Qualcomm e declararam a Apple uma infratora, ordenando a proibição de iPhones nos importantes mercados da Alemanha e da China”.

A Apple não é a única a sofrer

A Qualcomm Inc. está tomando um caminho perigoso ao querer atacar a empresa americana Apple a todo custo. Chips Qorvo, telefones da Apple e patentes da Qualcomm recentemente passaram por intenso escrutínio pela Comissão de Comércio Internacional dos Estados Unidos.

Este órgão regulador não conseguiu reunir elementos concretos que permitissem afirmar que a Apple utilizou as patentes da Qualcomm. Lembre-se que esta empresa iniciou o mesmo processo legal nos Estados Unidos pelos mesmos motivos: violação de patente.

Artigos Relacionados

Back to top button