Qualcomm apresentou um leitor capaz de ler duas impressões digitais

A maioria dos smartphones de última geração agora vem com um leitor de impressão digital na tela. Enquanto alguns fabricantes optaram pela tecnologia óptica, outros – incluindo a Samsung – preferiram recorrer à tecnologia de ultrassom da Qualcomm. Infelizmente, este último não conseguiu convencer os usuários da Internet quanto à confiabilidade e desempenho.

Para corrigir a situação, a Qualcomm levantou o véu sobre uma nova geração de Leitor de impressão digital permitindo que o dispositivo seja bloqueado com dois dedos. batizado 3D Sonic Maxeste último deve ser mais seguro e mais rápido.

A data de lançamento deste novo leitor de impressões digitais ainda não foi revelada pela empresa americana.

Os problemas do leitor ultrassônico clássico

Introduzida pela primeira vez em 2015, a tecnologia de scanner de impressão digital ultrassônico da Qualcomm foi finalmente lançada no ano passado.

Adotado pela Samsung, o leitor infelizmente não corresponde às expectativas dos internautas. Em relação ao seu funcionamento, demora muito para reconhecer um dedo. E não é melhor do lado da segurança, pois o sistema pode ser contornado simplesmente colocando protetores de tela específicos nos smartphones.

Por causa desses dois grandes problemas, um boato sugere que a Samsung está considerando abandonar o sensor ultrassônico da Qualcomm. No entanto, a fabricante de chips não se desespera e continua apresentando inovações para conter a gigante sul-coreana de telefonia.

Duas impressões digitais ao mesmo tempo

O novo sensor ultrassônico da Qualcomm é apelidado de “3D Sonic Max”. Capaz de cobrir uma área 17 vezes maior que a do sensor antigo, este último também dá a possibilidade de usar dois dedos para desbloquear dispositivos móveis.

Graças a essas melhorias, o sensor deve ser mais confiável, mais flexível e mais rápido. Sua data de lançamento ainda não foi anunciada pela empresa americana. No entanto, é mais provável que seja lançado antes do lançamento da próxima geração de smartphones da Samsung. Além disso, é possível que a Apple também recorra a essa tecnologia para seu iPhone 12 que teria um Touch ID sob a tela.

Artigos Relacionados

Back to top button