Pillars of Eternity será lançado no Nintendo Switch em agosto

Boas notícias para os proprietários de Trocar quem quer jogar Pilares da eternidade. A Obsidian Entertainment anunciou um lançamento iminente do título no console da Nintendo.

O número de títulos que podem ser jogados no Switch acaba de aumentar. Conforme afirmado pelo Boingboing.net, o desenvolvedor de Pillars of Eternity anunciou através de um tweet e um vídeo a próxima chegada do videogame de RPG de fantasia na Nintendo Switch eShop. O que é ainda mais agradável é que a empresa forneceu uma data.

Nintendo Switch

A partir de 8 de agosto, os proprietários do Switch poderão aproveitar a edição completa de Pillars of Eternity. Como esta é a versão completa, teremos acesso a todo o conteúdo para download, bem como a todas as extensões criadas para a versão PC.

Em suma, os jogadores não perderão nada com este porte do famoso jogo de RPG de fantasia da Obsidian Entertainment no Nintendo Switch.

Seu sucessor já disponível no console japonês

Lançado pela primeira vez em 2015 no Linux, PC e Mac, Pillars of Eternity já foi portado para consoles como PlayStation 4 e Xbox One. Quanto à porta no Switch, os rumores haviam relatado anteriormente uma chegada ao console Nintendo antes de 31 de dezembro de 2019. Portanto, eles estavam corretos.

É bom notar que o sucessor do título foi lançado em 2018. Mas o mais interessante é que Pillars of Eternity 2: Deadfire já está disponível no Switch. Ao anunciar o lançamento da primeira edição na mesma plataforma, fica claro que a Obsidian quer nos dar a oportunidade de descobrir a origem da história antes de nos levar ao universo da segunda parte.

Uma aventura ambientada no mundo de Eora

Para aqueles que ainda não sabem, Pillars of Eternity se passa no mundo de Eora, principalmente na nação de Dyrwood, onde uma maldição foi lançada sobre toda a nação. Conhecida como a Praga de Hollowborn, isso ocorre como um fenômeno em que as crianças nas regiões afetadas nascem sem alma.

O jogador tem assim a difícil tarefa de resolver este problema.

Artigos Relacionados

Back to top button