Os usuários do Instagram agora podem sinalizar conteúdo falso para revisão do verificador de fatos

Os usuários do Instagram agora podem sinalizar conteúdo falso para revisão do verificador de fatos

O Facebook expandiu seu Programa de verificação de fatos de terceiros para cobrir fotos e vídeos compartilhados no Instagram, anunciou a empresa. Com essa expansão, os usuários do Instagram agora podem sinalizar conteúdo que acreditam ser falso, desencadeando uma revisão de um verificador de fatos verificado que fará a determinação final sobre o conteúdo. Segundo a empresa, o conteúdo falso será rebaixado, mas não removido.

A capacidade de sinalizar conteúdo falso está chegando para usuários do Instagram localizados nos Estados Unidos a partir de hoje, mas a empresa disponibilizará o mesmo recurso para usuários em outros mercados até o final do mês. Para encontrar a nova opção de relatório, toque no botão de menu de três pontos e escolha ‘É inapropriado’.

Nesse menu, os usuários verão uma nova opção que lê ‘Informações falsas’. A escolha dessa opção de relatório solicitará que os verificadores verificados revisem as informações; esses indivíduos confirmarão que é falso ou rejeitarão o relatório.

Supondo que o conteúdo seja oficialmente sinalizado como falso, o Instagram permitirá que ele permaneça ativo no serviço, mas não o mostrará na página de hashtag relacionada à plataforma. Além disso, a postagem será “subestimada” na página Explorar, de acordo com. Isso limitará a capacidade de uma conta de promover conteúdo falso e reduzirá o número de usuários do Instagram que o veem.

A nova opção de relatório é a mais recente entre uma série de esforços que o Facebook implementou para reduzir a grande quantidade de informações falsas espalhadas por suas plataformas sociais. Esse conteúdo foi usado em um esforço para manipular o público, entre outras coisas, em questões políticas, sociais e de saúde, dizem os críticos.

0 Shares