OnePlus vai oferecer um smartphone compatível com 5G no início de 2019 (que não será o OnePlus 7)

A corrida pelo 5G começou oficialmente. Com história de ser a primeira a oferecer essa compatibilidade de rede, muitas são as empresas que evocam novos modelos que poderão se conectar a ela. Seja Huawei ou Samsung, rumores e outras declarações oficiais ocorrem regularmente e os próximos anos podem virar o mercado de telefones de cabeça para baixo graças à presença do 5G. E isso, mais empresas menores entenderam bem como o OnePlus. E por uma boa razão: foi durante uma entrevista para a CNET que a OnePlus mencionou um próximo smartphone compatível com 5G…

Só aqui, este smartphone não será o OnePlus 7. Não é de estranhar quando se sabe que o OnePlus 6T está no mercado há pouco tempo, ver o seu sucessor a chegar no início de 2019 seria surpreendente.

Introdução ao OnePlus 6T: imagem 8

A primeira faixa mencionada não é outra senão uma reedição do OnePlus 6T com compatibilidade 5G.

O OnePlus 7 não será o primeiro smartphone compatível com 5G

Foi numa entrevista para a CNET que a OnePlus voltou a mencionar o 5G. A empresa chinesa afirma apresentar um smartphone compatível, para o mercado europeu, a partir do início de 2019. Mas este telefone não será o OnePlus 7: podemos assim pensar facilmente numa reedição do OnePlus 6T a funcionar com a rede 5G. Este anúncio mostra de qualquer forma que o gigante chinês, muito popular no Velho Continente, está pronto para entrar na corrida. Uma corrida em que gigantes como a Samsung, número um do mundo, ou a Huawei, que ocupa o segundo lugar, estão se posicionando e se comunicando muito nos últimos meses.

Quanto à apresentação deste modelo compatível com 5G, muito pouca precisão sobre o evento que o acompanhará. Rumores mencionam em particular o MWC em Barcelona que será realizado em fevereiro, enquanto a melhor hipótese continua sendo a CES em Las Vegas em janeiro próximo.

Resta saber se o argumento 5G permitirá à OnePlus ganhar quota contra dois grandes concorrentes como Samsung e Huawei. Do lado da Europa ou de países emergentes, como a Índia, a empresa chinesa continua muito apreciada por seus modelos de alto desempenho e sempre mais baratos que a concorrência. Um primeiro bom argumento para suportar 5G!


Artigos Relacionados

Back to top button