O sinal de rádio não veio de outra galáxia, mas… do micro-ondas

Os astrofísicos do radiotelescópio de Parques, na Austrália, captou um sinal de rádio estranho em 2007. Eles então iniciaram uma investigação para determinar sua origem. Sete anos depois, eles finalmente entenderam sua origem e não tem absolutamente nada a ver com suposta vida extraterrestre.

A história começa em 2007, com um artigo publicado em uma revista profissional por uma equipe de astrofísicos que fizeram uma descoberta surpreendente. Seu radiotelescópio realmente captou um breve sinal de rádio no início de 2001. Um sinal cuja origem parece vir de outra galáxia.

Forno de micro-ondas

Os cientistas então montaram uma equipe para tentar aprender mais sobre esse sinal misterioso. Eles se comprometeram a analisar todos os seus arquivos, ao mesmo tempo em que estabeleceram novos procedimentos para finalmente analisar o menor som captado por seus dispositivos.

Seu principal suspeito? O micro-ondas deles!

Este estudo aprofundado permitiu-lhes encontrar outros sinais do mesmo tipo, sinais bastante comuns e que parecem vir do nosso belo planeta.

A história tomou um novo rumo em 2014 após a instalação de um detector de interferência de rádio. Graças ao dispositivo, nossos cientistas descobrirão que esse estranho sinal vem dos arredores e reaparece regularmente de segunda a sexta-feira, entre 10h e 18h. Depois de verificar todos esses dados, eles entenderão que são a fonte dessa interferência.

O resto, você já sabe. Esses estranhos sinais de rádio não vieram de alguma espécie alienígena distante, mas do forno de micro-ondas que eles usam para aquecer chá, café e almoço.

Mas aqui, ainda há um ponto engraçado. O sinal original, que desencadeou toda a investigação, foi detectado em agosto de 2001 às 5h50, quando o Centro de Astrofísica estava vazio e fechado.

Artigos Relacionados

Back to top button