O Huawei Mate 20 Pro passando pelo Geekbench

a Huawei Mate 20 Pro será apresentado em 16 de outubro ao mesmo tempo que o modelo base. No entanto, não será necessário esperar tanto tempo para avaliar o poder de computação de seu Kirin 980. O dispositivo acaba de fazer uma aparição muito notável no Geekbench.

A Huawei realizará uma conferência de imprensa em 16 de outubro em Londres. A marca deve aproveitar para apresentar diversos aparelhos.

Huawei Mate 10 Pro: imagem 9

O Huawei Mate 20 Pro fará parte do lote e terá a difícil tarefa de oferecer aos usuários uma alternativa ao Galaxy Note 9 da Samsung ou ao iPhone Xs Max da Apple.

O Huawei Mate 20 Pro sai do bosque

Ele obviamente pode contar com seu chip. Durante a noite, um dispositivo designado pelo número do modelo HUAWEI LYA-L29 realmente apareceu no banco de dados do Geekbench. O número corresponde ao do próximo phablet topo de linha da marca.

Se acreditarmos na solução, então o terminal estará equipado com um SoC composto por oito núcleos acoplados a 6 GB de RAM. Também será entregue sob o Android 9.0 Pie e, assim, beneficiará de todas as últimas inovações trazidas pela plataforma.

No entanto, este não é o mais interessante. O Geekbench de fato recompensou o dispositivo com uma pontuação de 3390 pontos em single core e 10.318 pontos em multi core, tornando-o ao mesmo tempo o androfone mais poderoso do mercado atualmente.

Uma pontuação impressionante… e lógica

Se esta pontuação impressiona, é, em última análise, bastante lógico. O Mate 20 Pro será de fato entregue com o novo chip da HiSilicon: o Kirin 980. Um chip muito mais poderoso gravado em 7 nm. Vê-lo atingir tais pontuações não é, portanto, anormal.

Observe que o fabricante não deve se limitar ao Mate 20 Pro durante seu evento em Londres. Ele também pretende apresentar duas outras versões: o Mate 20 e o Mate 20 Porsche Design Edition.

No entanto, será necessário esperar uma quinzena para ser corrigido.


Artigos Relacionados

Back to top button