O Google Nexus One em detalhes

Então esta noite o Google anunciou seu telefone Android, o Nexus One. Claro, isso é uma grande notícia e agora que sabemos muito mais sobre isso, poderemos dar uma olhada nas diferentes especificações e recursos da máquina. Sim, e como veremos ao longo deste artigo, podemos dizer que o Nexus One é bastante… surpreendente.

Ainda antes de apresentar o Nexus One, a Google insistiu num ponto importante, nomeadamente o facto de apenas os telemóveis serem certificados e que só eles, portanto, têm acesso a aplicações feitas para Android. Basicamente, significa apenas que os fabricantes de tablets e outros equipamentos da moda não serão certificados e, portanto, não poderão tirar proveito disso.


No que me diz respeito, acho-o muito limitado e até perfeitamente incoerente.

Em termos de especificações, o Nexus One enviará:

  • Um processador Qualcomm Snapdragon com clock de 1Ghz.
  • Uma tela AMOLED de 3,7 polegadas com resolução de 480×800.
  • Armazenamento interno de 4 GB (até 32 GB).
  • Um sensor de 5 megapixels capaz de gravar vídeos MPEG4.
  • Wi-Fi, GPS.
  • Uma bússola, um acelerômetro.
  • Um sensor de luz e um sensor de proximidade.
  • Uma roda no estilo do BlackBerry (?!).
  • Autonomia de 7h em conversação e 250 horas em standby.

Curiosamente, será possível enviar um vídeo em um clique para o YouTube. Isso é para o lado moderno. Lamentamos simplesmente que outras plataformas, como Vimeonão são suportados.

O Nexus One será baseado no Android 2.1. Ele incorpora todos os aplicativos usuais, é claro, e também oferece até 5 desktops virtuais nos quais você pode colocar seus widgets. Da mesma forma, também é possível desfrutar de papéis de parede animados. Isso deve deixar sua bateria feliz, hein…

Um grande esforço também foi feito na apresentação dos álbuns de fotos. Além disso, a sincronização com o Picasa é suportada. Aí, admito que está bem pensado.

Da mesma forma, o Nexus One oferece a possibilidade de inserir informações com… sua voz. Assim, será possível enviar um SMS, um e-mail ou fazer pesquisas online sem ter que usar os dedos. A grande questão que podemos nos fazer é se esse recurso será realmente confiável. Já tendo experimentado vários softwares de reconhecimento de voz, posso garantir que eles não são fáceis de aprender e que muitas vezes cometem erros.

Não é uma surpresa, mas o Nexus One integra o Google Earth. Ponto divertido, porém, será possível andar pelo mundo usando apenas a voz. Devo admitir, deve ser bom para testar.

O Nexus One pode ser adquirido online no seguinte endereço: http://www.google.com/phone. Também será possível consultar as ofertas dos operadores. Deve-se notar também que este site também oferece um telefone virtual para ajudá-lo a começar.

Do lado do preço, o Nexus One será oferecido por US$ 530 desbloqueado e US$ 180 na T-Mobile. Teremos que esperar a primavera para vê-lo pousar na Vodafone. Nenhuma data foi anunciada além disso.

Então, do meu ponto de vista, os resultados são bastante variados. É bastante óbvio, podemos ver que o Google está tentando adotar a mesma estratégia de marketing da Apple, mas o molho é mais difícil de tomar. As especificações do aparelho, já, não são nada revolucionárias. Claro, eles estão bastante corretos. (o processador é até poderoso) mas é justamente isso que está errado: o Nexus One não revoluciona a telefonia móvel.

Pessoalmente, esperava muito mais desta conferência. E a acreditar nas várias trocas que animaram o Twitter nas últimas horas, parece que não sou o único neste caso.

Por fim, a única surpresa da noite é apenas ver que o Google também é capaz de vender telefones.

EDITAR: E obrigado a Philippe e i-Actu pela publicidade.

[youtube I6COwgigJ-g nolink]

Via Gizmodo

Artigos Relacionados

Back to top button