O efeito engraçado da realidade virtual em nossa percepção do tempo

Os cientistas conduziram um estudo para determinar a relação entre realidade virtual e nossa percepção do tempo. Aparentemente, o uso dessa tecnologia perturba nossa noção de tempo.

É fácil perder a noção do tempo ao se concentrar em uma tarefa ou durante uma sessão de videogame. Esse efeito parece ser muito mais perceptível ao usar a tecnologia de realidade virtual. Pesquisadores da Universidade da Califórnia em Santa Cruz descobriram que o tempo voa ao usar um fone de ouvido VR em comparação com jogar o mesmo jogo em uma tela. Os resultados deste estudo foram publicados na revista Timing & Time Perception. Observe que a ideia veio de Grayson Mullen. Este estudante de ciências cognitivas buscou a experiência do professor de psicologia Nicolas Davidenko para montar o experimento.

Créditos Jay Ross – Pixabay.com

A dupla observou assim que os participantes do estudo tinham muito mais dificuldade em avaliar a percepção do tempo quando estavam imersos em realidade virtual.

Compressão de tempo como efeito de VR

Para este experimento, os pesquisadores contaram com um jogo de labirinto compatível com capacetes convencionais. Os participantes testaram a versão VR, depois a projetada para funcionar em uma tela convencional, uma após a outra. A ordem foi escolhida aleatoriamente. Quando se trata de jogar em uma tela, os participantes não tiveram problemas para estimar quando pensaram que jogaram por cinco minutos, apesar da falta de um relógio. Por outro lado, quando se trata de jogar em VR, aqueles em média precisaram de 72,6 segundos extras para parar de jogar, pensando que os cinco minutos ainda não haviam terminado.

“Esta é a primeira vez que podemos realmente isolar que não é apenas que você joga um videogame ou o conteúdo de qualquer coisa que você veja. É realmente o fato de ser realidade virtual versus uma tela convencional que contribui para esse efeito de compressão de tempo.”disse Mullen.

A compressão do tempo é a sensação de que o tempo passa mais rápido do que você pensa. Os pesquisadores sugerem que esse efeito pode ser o resultado do usuário perder a noção da realidade com a realidade virtual. Um fenômeno que, por sua vez, perderia toda a noção de tempo.

Uma tecnologia que é prejudicial e benéfica

A realidade virtual é uma tecnologia que continua a evoluir. Torna-se cada vez mais imersivo, o que não é isento de consequências a nível psicológico, mas também fisiologicamente. Os videogames em um monitor convencional já estão conseguindo atrapalhar o dia a dia dos consumidores criando um vício. Os pesquisadores temem que a tecnologia VR amplifique o fenômeno.

Mas a realidade virtual também tem seus lados bons. Associado à medicina, poderia, por exemplo, ajudar a aliviar a dor mental de pacientes que têm que seguir um longo protocolo de tratamento, sem contar a possibilidade de usá-lo nas áreas de turismo e educação.

Artigos Relacionados

Back to top button