O botão de pânico Lyft oferece aos usuários uma maneira de discar diretamente o 911

O botão de pânico Lyft oferece aos usuários uma maneira de discar diretamente o 911

A Lyft começou a lançar um aplicativo atualizado que adiciona novos recursos de segurança projetados para os ciclistas. O mais notável na atualização é um novo botão de pânico no aplicativo que oferece aos usuários a capacidade de ligar diretamente para o 911 no aplicativo Lyft. Além disso, a empresa tornará mais fácil ver o número da placa do motorista, fornecer feedback por serviços inadequados e muito mais.

Lyft anunciou a atualização do aplicativo na terça-feira, explicando que alguns usuários verão as alterações a partir de hoje, com todos os demais programados para obter os recursos nos próximos meses. A empresa lançou anteriormente um botão de pânico no aplicativo para os motoristas, que lhes permitia entrar em contato diretamente com os serviços de emergência. A mesma funcionalidade está sendo lançada para os pilotos.

Além do botão de pânico, a Lyft está facilitando a visualização do número da placa do motorista no aplicativo. Isso tornará mais fácil para os pilotos verificar se o carro em que estão entrando é o que eles pediram. O número da placa é acompanhado por uma nota lembrando os usuários para verificar o carro.

No futuro, os pilotos que deixarem os motoristas com uma classificação abaixo de quatro estrelas deverão fornecer um feedback sobre o motivo pelo qual deixaram uma marca tão baixa. Esse feedback obrigatório, explica Lyft, será fornecido à equipe de suporte da empresa e aos motoristas. A empresa poderá executar ações com base no feedback, se a situação exigir, e os motoristas saberão por que receberam uma nota baixa.

Além dos novos recursos para os pilotos, a Lyft diz que fornecerá a todos os seus motoristas materiais educacionais para ajudá-los a evitar cometer assédio sexual. As alterações se juntam a duas atualizações de segurança lançadas recentemente, que envolvem verificação aprimorada da identificação do motorista e verificações criminais contínuas dos antecedentes.

0 Shares