NASA precisa de ajuda para capturar asteroides

o NASA trabalha em muitos projetos diferentes. Uma delas é desenvolver um dispositivo capaz de capturar asteroides e trazê-los de volta à órbita lunar para coletar amostras. Ao contrário do que se possa pensar, não é o cenário de um filme de ficção científica, nem mesmo uma grande piada. No entanto, a agência espacial americana precisa de ajuda para atingir seus objetivos.

A agência apresentou esta nova missão no ano passado e causou muita tinta na época. O que não é muito surpreendente considerando a natureza desta missão surpreendente.

NASA ARM-UP

A ARM, ou Asteroid Redirect Mission para abreviar, visa desenvolver um dispositivo capaz de procurar asteróides que passam perto do nosso belo planeta e depois trazê-los de volta à órbita da Lua.

ARM, um programa para capturar asteróides

A NASA acredita que esta seria a maneira mais eficaz de estudá-los. Assim que esses corpos forem repatriados, a agência poderá enviar astronautas ao local para coletar amostras. Amostras que nos ajudariam a entender melhor a natureza e a composição dessas pedras celestes.

Mas o interesse desta missão não se limitaria apenas a estas amostras. De fato, a agência acha que a ARM poderia ajudar seus engenheiros a se prepararem melhor para futuros voos espaciais, especialmente aqueles para Marte.

A operação consistirá em duas etapas distintas. A primeira incidirá sobre o lançamento deste dispositivo, um lançamento previsto para 2021. Um veículo não tripulado será enviado a um asteroide previamente identificado pelos astrônomos da NASA e se encarregará de trazer o corpo de volta à órbita lunar.

A segunda operação está prevista para 2026 e consistirá em levar uma tripulação à superfície do asteroide capturado na etapa anterior para recuperar as primeiras amostras.

Asteroides podem nos ensinar muito sobre o sistema solar

O cronograma está pronto, portanto, mas a agência espacial americana não tem recursos financeiros e humanos para realizar tal missão sozinha. Precisa, portanto, de empresas aeroespaciais para atingir seus objetivos e esta é a razão de ser do programa ARM-UP.

As empresas que desejam participar desta grande aventura poderão se inscrever em setembro próximo. Os detalhes completos da missão devem ser comunicados nesse momento.

A questão agora é se as empresas privadas vão responder.

No momento, é muito cedo para saber, mas deve-se lembrar que os asteróides podem render muito dinheiro porque geralmente são ricos em minerais.

Os Estados Unidos também aprovaram uma lei no ano passado para autorizar as empresas americanas a explorar esses recursos, a famosa Lei Espacial. Sim, e a NASA também apoia um projeto realizado por uma empresa privada chamada Made In Space, um projeto que visa… mover asteroides usando um sistema de propulsão elétrica. Esta história foi discutida em detalhes neste artigo.

Artigos Relacionados

Back to top button