NASA compartilha imagem congelada do nascer da lua tirada do espaço

Pouco antes do Natal, uma imagem foi capturada da Estação Espacial Internacional que mostra a lua sobre uma paisagem congelada de inverno, oferecendo uma perspectiva gelada única e um tanto impressionante do corpo celeste. A imagem foi capturada usando uma câmera digital Nikon D5 usando uma lente de 50 mm por um membro da equipe Expedition 61.

A imagem acima foi capturada em 12 de dezembro de 2019, em uma noite clara com lua cheia. Visível na superfície está a Baía de Hudson, no Canadá, congelada com gelo e neve, como acontece todos os anos. A parte mais baixa da imagem apresenta Manitoba. Apesar do céu escuro do ponto de vista da Estação Espacial Internacional, a imagem foi tirada por volta das 13h, horário local.

Segundo a NASA, a imagem teve o contraste melhorado; também foi cortada e algumas edições foram usadas para remover artefatos de lente. A câmera é fornecida aos astronautas pela ISS Crew Earth Observations do Johnson Space Center e pela Earth Science and Remote Sensing Unit.

A ISS oferece uma perspectiva única da Terra, ajudando a apoiar especialistas em terra. A NASA aponta que a Baía de Hudson, uma vez totalmente congelada, é um habitat importante usado pelos ursos polares que estão migrando através do gelo até o início do derretimento do verão. O gelo começa a se formar em outubro.

Essa é uma das inúmeras imagens capturadas da Estação Espacial Internacional; assim como outras imagens capturadas por suas várias câmeras e sistemas, a NASA as compartilha com o público através de seu site. A agência espacial destaca algumas das melhores imagens em sua página Imagem do dia, encontrada aqui.

Artigos Relacionados

Back to top button