Leica T: um poço híbrido em seu tempo

Leica beneficia de uma sólida reputação no mundo da fotografia digital, o que não impede o fabricante de procurar a inovação. Ele acabou de provar isso mais uma vez levantando o véu sobre o Leica T, um híbrido bastante confortável em seu tempo. No programa, um sensor herdado do Leica X Vario, uma tela sensível ao toque, um chip WiFi e um case de alumínio com linhas bem modernas. Um caso que também pode perturbar os puristas e todos aqueles que veneram a venerável marca.

Deve-se admitir, o Leica T não pode deixar ninguém indiferente. A sua caixa de alumínio de peça única joga a cartada da modernidade e está finalmente nos antípodas dos outros dispositivos da marca. O mesmo é obviamente verdade para a ergonomia, já que os barris usuais desaparecem em favor das rodas integradas no casco.

Leica T: foto 1

Botões laterais, o Leica T joga a cartada do minimalismo. Além dessas rodas, do botão do obturador e do botão para começar a gravar um vídeo, não há controle físico. Para controlar o dispositivo, você terá que confiar em sua tela sensível ao toque. Curiosamente, o famoso fabricante optou por menus claros, minimalistas e personalizáveis. Assim, será possível destacar as funções mais utilizadas.

Sem visor embutido, mas uma sapata para acessórios opcionais

Essa famosa tela também será usada para mirar, já que a caixa não possui visor. Se necessário, você sempre pode investir em um EVF opcional que será posicionado na garra dedicada aos acessórios. É também neste local que um possível flash será colocado. Já que estamos falando de compras adicionais, saiba que a Leica também comercializa um anel para adaptar as lentes M ao seu novo corpo T-mount.

Mas e as especificações técnicas da caixa. Neste terreno, a Leica não revela muito mas é tudo a mesma questão um sensor APS-C de 16,2 milhões de pixels herdado do Leica X Vario e do Leica X2, mas também de um novo chip de processamento que deveria melhorar a renderização das imagens capturadas pela caixa. A tela sensível ao toque, por sua vez, chega a 3,7 polegadas.

A Leica T também marca a chegada de uma nova montagem. O fabricante irá, portanto, apoiá-lo com quatro objetivos dedicados: a Vario-Elmar 18-56mm f.3.5-5.6, Summicron 23mm f/2.0, uma Super-Vario-Elmar 11-23mm f/3.5-4.5 e a Vario-Elmar 55-135mm f/3.5-4.5. Apenas as duas primeiras pedrinhas estarão disponíveis quando a caixa for lançada, lançamento previsto para 26 de maio.

E o preço então? Não surpreendentemente, serão necessários 1.500 euros para o corpo nu, 1.450 para o zoom e 1.600 para a segunda lente.

Artigos Relacionados

Back to top button