Google: um novo Doodle jogável para celebrar o Halloween

Os fãs dos doodles jogáveis ​​do Google podem se lembrar de Momo, um pequeno gato preto defendendo sua escola contra fantasmas. O jogo se chamava Magic Cat Academy e foi lançado por ocasião do Halloween de 2016. Para eliminar fantasmas, era preciso desenhar símbolos acima de suas cabeças. Assim que um nível era concluído, o personagem sorria e balançava sua varinha mágica em todas as direções.

Desde então, cada vez que é o Dia dos Mortos, o buscador lança um tema relacionado aos caçadores de espíritos. Em 2017, um ectoplasma solitário substitui o aprendiz de mago em sua missão, enquanto em 2018 o primeiro doodle multiplayer chamado “The Great Ghoul duel” foi lançado.

Para o Halloween, o Google não economizou no doodle

Este ano, o pequeno felino regressa após uma ausência de dois anos, apresentando algumas alterações que não desiludiram os fãs.

A continuação do doodle de 2016

O roteiro original apresentava um mágico, preparando uma sopa capaz de ressuscitar os mortos. Mas os criadores do jogo acharam a ideia dessa sopa muito abstrata e preferiram escolher uma escola de magos. Isso criou muitos personagens e temas interessantes.

O doodle jogável deste ano é, portanto, uma continuação lógica da versão publicada em 2016, com uma mudança de cenário, mas com a mesma luta. O “chefe”, tendo caído no mar anteriormente, agora tem vida subaquática, e Momo deve derrotá-lo novamente. Desta vez, nosso herói tem um aliado, na pessoa de um peixe-gato, ajudando-o a navegar pelas águas escuras.

Um gato que realmente existe!

O feiticeiro manteve sua varinha mágica, permitindo que ele lançasse feitiços em seus oponentes espirituais. O personagem não fala, mas ainda é muito fofo aos olhos dos jogadores, graças às carrancas e um sorriso que lhe confere carisma. O que há de novo são os poderes, incluindo relâmpagos (inutilizáveis ​​na água) e escudo de água-viva.

A jogabilidade é bastante agradável, com cinco níveis no jogo: a biblioteca, o refeitório, a sala de aula e a academia, além do telhado. O objetivo era oferecer algo simples, mas perfeitamente divertido. O gato que inspirou o jogo existe mesmo, é o bichinho de Juliana Chen, uma das designers do doodle.

Artigos Relacionados

Back to top button