Google reduzirá a qualidade das Nest Cams para economizar largura de banda

O confinamento na França não terminará antes de 11 de maio. Assim, muitas pessoas continuam em teletrabalho no país. Como resultado, a internet está mais estressada do que nunca. Depois do Amazon Prime Video, Disney, Netflix ou mesmo YouTube, Google decidiu reduzir a qualidade de vídeo das câmeras produzidas pela Nest.

Nos Estados Unidos, a empresa de Mountain View não deixou de avisar seus clientes por e-mail. Entre os dispositivos afetados, podemos citar o Nest Cam IQ e o Nest Cam IQ Outdoor.

A mudança na qualidade dos vídeos da Nest Cam deve ocorrer nos próximos dias.

Uma medida a favor do teletrabalho

O Google decidiu reduzir a qualidade das imagens das câmeras produzidas por sua subsidiária Nest para ” preservar recursos da internet “. Especificamente com o objetivo de liberar largura de banda para teletrabalho e educação a distância.

Em resposta ao apelo global para priorizar a largura de banda da Internet para estudar e trabalhar em casa, faremos algumas mudanças nos próximos dias. Acreditamos que essas mudanças podem ajudar todos a acompanhar mais facilmente a escola, o trabalho e tudo mais. “disse um porta-voz da gigante americana em entrevista ao TechCrunch.

Uma queda significativa no consumo de dados

Essa iniciativa pode resultar em uma queda significativa no consumo de dados. Por exemplo, o Nest Cam IQ consome cerca de 400 GB de dados por mês em sua qualidade de vídeo mais alta (1080 pixels). A empresa de Mountain View planeja assim comprimir levemente os vídeos para reduzir o consumo mensal de cada câmera para 300 GB de dados, o que equivale a uma redução de 25%.

Os clientes da gigante americana podem ficar tranquilos, pois essa queda na qualidade será temporária. Além disso, eles terão a opção de reverter para a mais alta qualidade a qualquer momento através das configurações da câmera. Como você deve ter entendido, isso é simplesmente uma mudança na configuração padrão de qualidade de imagem.

Artigos Relacionados

Back to top button