[GDC2015] Nvidia desenha seu Shield e lança no mercado de consoles domésticos

Nvidia tinha algumas surpresas reservadas. Prova disso é que o famoso fundador levantou o véu em um console de sala novinho em folha durante a noite. o Escudo encontrará assim o seu lugar perto da sua enorme televisão burguesa e dar-lhe-á acesso a diferentes títulos, mas também a alguns serviços. Tudo com um toque de 4K para surfar a onda.

A primeira coisa a saber sobre este Shield é que ele não oferece o mesmo poder de computação que um Xbox One ou um PlayStation 4. O engraçado é que isso não é um problema real e você entenderá rapidamente o porquê.

Escudo Nvidia

Este console é alimentado por um chip Tegra X1 e ela se vira para baixo Android-TV. Assim, dará acesso direto a todos os jogos e aplicativos disponíveis na Google Play Store.

Poder computacional próximo ao Xbox 360

Ele vem com um controlador que lembra um pouco o controlador de console da Microsoft. Ele não precisa se envergonhar de seus concorrentes, pois inclui uma cruz direcional, dois analógicos, quatro botões de ação, gatilhos e até um fone de ouvido para tocar com total privacidade. Sua bateria lhe dá uma autonomia de 40 horas em média e basta colocá-lo na base fornecida para carregá-lo.

Esteticamente falando, o Shield é bastante bonito, mas também lembra muito o 360, como evidenciado pela animação incorporada no final deste artigo.

Previsto para o mês de maio, o console será oferecido a 199 dólares.

Lá, você provavelmente deve dizer a si mesmo que está muito longe do que a Microsoft e a Sony oferecem do lado deles, certo? Em termos de potência bruta, sem dúvida, mas há uma sutileza interessante. O console aproveitará a tecnologia Rede. Em outras palavras, será totalmente capaz de rodar títulos da “nuvem” da Nvidia.

A empresa também anunciou que cerca de cinquenta títulos estarão disponíveis na plataforma quando for lançado. Com, no lote, Doom 3, os mais recentes Borderlands e muitas probabilidades extras.

Artigos Relacionados

Back to top button