Fraude de troca de SIM: sinais de alerta, como prevenir e muito mais

Atualmente, a fraude de troca de SIM está aumentando. Você pode ouvir sobre um caso envolvendo a troca de SIM de vez em quando. Apesar do número de medidas tomadas para lidar com essa fraude, os pesquisadores provaram como é fácil assumir o número de telefone de alguém. No entanto, você pode se proteger de fraudes por troca de SIM, tomando algumas precauções.

O que é fraude de troca de SIM?

O cartão SIM do seu telefone é o que direciona o telefone para a rede e informa qual número de telefone usar. Os hackers também sabem que obter acesso ao cartão SIM de um usuário pode permitir que eles acessem seus dados bancários e outras informações cruciais.

A fraude de troca de SIM ocorre quando alguém finge ser você e entra em contato com o atendimento ao cliente para controlar sua conta. Os golpistas usam informações publicamente disponíveis sobre você e seus dados pessoais, disponíveis através de hacks e violações de dados. Usando essas informações, os hackers enganam o atendimento ao cliente para trocar seu cartão SIM por um cartão SIM duplicado.

Depois que seu número de telefone estiver vinculado a esse cartão SIM duplicado, todas as suas chamadas e mensagens (OTP, e-mails e mais) serão direcionadas aos hackers. A fraude de troca de SIM pode parecer difícil, mas os pesquisadores provaram que não é tão difícil quanto parece. Até o cofundador e CEO do Twitter, Jack Dorsey, foi vítima de fraude de troca de SIM.

Em um estudo recente, pesquisadores de Princeton descobriram que muitas operadoras americanas são vulneráveis ​​à fraude de troca de SIM. Além disso, o risco aumenta no caso de uma conta pré-paga. Como parte de um estudo, os pesquisadores foram capazes de induzir os representantes de atendimento ao cliente a obter o controle dos dispositivos. Eles foram capazes de desativar o acesso à rede do dispositivo remotamente.

Agora você pode ter uma idéia de quão perigoso os ataques de troca de SIM podem ser. Pode ser vista como uma das piores formas de roubo de identidade, pois seu smartphone possui todos os seus dados confidenciais, como detalhes bancários, e-mails, senhas e muito mais. Assim, todos os usuários de smartphones devem saber como esse tipo de ataque funciona e como podem se proteger de tais fraudes.

Fraude de troca de SIM: sinais de alerta

Agora que você sabe o quão perigosa a fraude de troca de SIM pode ser, vamos falar sobre alguns sinais de alerta que podem ajudá-lo a identificar essa fraude:

Mudanças no serviço – Se você for atingido por um ataque de troca de SIM, receberá uma notificação da sua operadora informando que seu cartão SIM está ativado em outro lugar. Se a operadora tiver medidas de segurança em vigor, você poderá receber uma mensagem de confirmação antes que os hackers façam alterações em sua conta.

Alertas de segurança – Você pode ter ativado as configurações de segurança para receber notificações ou alertas por e-mail quando uma pessoa não autorizada ajusta quaisquer configurações, como senhas, PINs ou perguntas de segurança. Portanto, se você receber uma notificação desse tipo, é possível que você esteja sendo atacado por uma fraude de troca de SIM.

Você deve levar essas notificações a sério. Se você receber essas notificações, entre em contato com sua operadora imediatamente. Isso pode ajudar a evitar fraudes na troca de SIM.

Os dois sinais de aviso acima aparecem antes que os hackers obtenham o controle do seu telefone. Aqui estão mais sinais de alerta que podem dizer se você é vítima de fraude de troca de SIM ou não:

Não foi possível enviar e receber textos e chamadas – Se o seu telefone tiver sido ativado em outro lugar, o cartão SIM original será inútil e você não poderá enviar ou receber mensagens e fazer chamadas telefônicas.

Não foi possível usar contas de email e mídia social – Se você foi desconectado de suas contas de e-mail e de mídia social e não consegue fazer login, há uma boa chance de ter sido invadido. Tente retomar o controle de suas contas o mais rápido possível, ou entre em contato com o atendimento ao cliente.

Não foi possível usar nenhum aplicativo – Se você foi desconectado de repente de todos os seus aplicativos e não pode fazer login novamente, isso significa que algo está errado. Você deve entrar em contato com seu provedor de serviços imediatamente.

Atividade bancária não autorizada – Se o seu banco ou qualquer instituição financeira notificá-lo sobre qualquer transação que você não tenha feito, pode ser que suas contas tenham sido invadidas. Você deve entrar em contato com seu banco imediatamente.

Como evitar fraudes na troca de SIM

Veja como você pode impedir a fraude de troca do SIM ou pelo menos reduzir as chances de alguém assumir o controle do seu telefone. A melhor maneira de fazer isso é definindo um PIN ou senha para sua conta sem fio. Todas as principais operadoras – T-Mobile, Verizon, Sprint e AT&T – oferecem a capacidade de adicionar um código PIN. Para definir um PIN e obter mais detalhes, entre em contato com o seu provedor de serviços.

Existem mais algumas precauções que você pode tomar para evitar fraudes na troca de SIM. Primeiro, nunca revele informações confidenciais como seu PIN, senhas, número CVV, ID do Internet banking e muito mais a ninguém. Além disso, não divulgue muitas informações pessoais sobre você nas plataformas de mídia social.

Use apenas software genuíno no seu celular e PC, use um bom software antivírus e atualize-o regularmente. Nunca responda a e-mails ou chamadas desconhecidos que solicitam detalhes da sua conta ou cartão. Por fim, leve a sério as notificações da sua operadora e do banco e registre-se para receber alertas por SMS e por e-mail em transações financeiras.

Artigos Relacionados

Back to top button