FDA alerta que transplantes fecais podem conter bactérias mortais resistentes a medicamentos

O FDA emitiu um novo comunicado que revela que um paciente morreu como consequência de um transplante de microbiota fecal sob investigação (FMT). Embora a agência não se oponha a esses estudos investigacionais quanto aos benefícios potenciais das FMTs, alerta que há sérios riscos associados à realização do tratamento, a saber, a transmissão de bactérias resistentes a uma variedade de drogas.

Leia: Transplante fecal reduziu drasticamente os sintomas de autismo em crianças

Os transplantes fecais envolvem o transplante de bactérias fecais de um indivíduo para outro. Vários estudos analisaram os potenciais benefícios à saúde associados aos transplantes de indivíduos saudáveis ​​para indivíduos com obesidade, autismo e infecções resistentes a tratamentos típicos.

Embora os transplantes tenham mostrado alguma promessa nos primeiros trabalhos de investigação, a FDA publicou um novo estudo alertando que existem riscos sérios envolvidos com a prática e que os profissionais de saúde devem aconselhar seus pacientes sobre esses riscos antes de se submeterem ao tratamento.

Segundo a agência, soube que dois adultos imunocomprometidos que receberam transplantes fecais em investigação acabaram contraindo ‘infecções bacterianas invasivas’ deles. As infecções eram resistentes a muitos dos medicamentos usados ​​para tratar os problemas e, tragicamente, um dos dois pacientes morreu como resultado.

O diretor do Centro de Avaliação e Pesquisa Biológica da FDA, Peter Marks, MD, PhD, disse:

Enquanto apoiamos essa área de descoberta científica, é importante observar que a FMT não vem sem riscos. Nós ficamos cientes de infecções por organismos resistentes a vários medicamentos depois que os pacientes receberam FMT em investigação, incluindo a morte de um paciente. Portanto, queremos alertar todos os profissionais de saúde que administram a FMT sobre esse possível risco grave, para que possam informar seus pacientes.

Artigos Relacionados

Back to top button