FDA alerta que milhares de bombas de insulina sem fio podem ser invadidas

A Food and Drug Administration alertou o público para um novo recall da Medtronic sobre as bombas de insulina MiniMed do fabricante. De acordo com a empresa, algumas dessas bombas MiniMed têm um problema crítico de segurança cibernética que não pode ser corrigido, deixando-as permanentemente vulneráveis ​​a hackers que as acessam sem fio. Essas bombas recuperadas foram vendidas nos Estados Unidos e internacionalmente.

A Medtronic anunciou o recall de milhares de bombas de insulina MiniMed e Paradigm em 27 de junho, revelando a descoberta de um ‘risco potencial de segurança cibernética’. Segundo a empresa, esses modelos de bombas de insulina com conectividade de RF sem fio podem ser acessados ​​por hackers que possuem as habilidades e equipamentos certos.

Se isso acontecer, o hacker poderá alterar sem fio as configurações e a quantidade de insulina entregue ao indivíduo que usa a bomba. Fazer isso pode resultar em sérias consequências para a vida do usuário, incluindo o potencial de desenvolver cetoacidose diabética. Cerca de 4.000 pacientes nos EUA podem estar usando essas bombas recuperadas.

Felizmente, não há relatos confirmados desse tipo de hack. A Medtronic diz que a vulnerabilidade foi descoberta por pesquisadores de segurança. Os pacientes localizados nos EUA e no exterior são avisados ​​para conversar com seu médico sobre a compra de um dispositivo diferente.

O melhor curso de ação é substituir o dispositivo vulnerável, mas a Medtronic também fornece precauções para os pacientes que devem continuar usando a bomba até que um modelo diferente possa ser adquirido. Isso inclui manter o número de série do dispositivo privado, não conectar a nenhum software ou hardware de terceiros e desconectar o dispositivo USB CareLink relacionado de um computador quando ele não estiver sendo usado.

Os seguintes modelos foram lembrados:

– MiniMed 508: todas as versões
– MiniMed Paradigm 511: todas as versões
– MiniMed Paradigm 512/712: todas as versões
– MiniMed Paradigm 515/715: todas as versões
– MiniMed Paradigm 522/722: todas as versões
– MiniMed Paradigm 522K / 722K: todas as versões
– MiniMed Paradigm 523/723: Versão 2.4A ou inferior
– MiniMed Paradigm 523K / 723K: Versão 2.4A ou inferior
– MiniMed Paradigm 712E: todas as versões
– MiniMed Paradigm Veo 554CM / 754CM: Versão 2.7A ou inferior
– MiniMed Paradigm Veo 554/754: Versão 2.6A ou inferior

Os proprietários de bombas podem entrar em contato com a Medtronic com qualquer dúvida relacionada ao recall.

Artigos Relacionados

Back to top button