Facebook faz parceria com a Luxottica para fabricar óculos AR

Facebook faz parceria com a Luxottica para fabricar óculos AR

O Facebook tem investido pesadamente em realidade virtual e realidade aumentada nos √ļltimos anos. H√° rumores de que a empresa est√° desenvolvendo √≥culos de realidade aumentada sob o codinome “Orion” que substituiria seu smartphone. No ano passado, a gigante das redes sociais confirmou que estava trabalhando em √≥culos anti-retrovisores. Segundo novos relat√≥rios, o Facebook faz parceria com a Luxottica para desenvolver seus √≥culos AR.

O que fez o Facebook ser parceiro da Luxottica?

O pessoal da CNBC aprendeu com suas fontes que os √≥culos Orion AR do Facebook permitiriam que os usu√°rios recebessem chamadas sem estarem vinculados a um smartphone. Os √≥culos AR devem substituir os smartphones em vez de confiar neles. Os √≥culos mostrariam informa√ß√Ķes em “uma pequena tela”. Eles tamb√©m ser√£o equipados com uma c√Ęmera.

De acordo com a CNBC, a gigante das m√≠dias sociais pretende trazer os √≥culos de realidade aumentada para o mercado consumidor entre 2023 e 2025. O Facebook fez uma parceria com a Luxottica para usar a experi√™ncia deste √ļltimo na fabrica√ß√£o de √≥culos para refinar seus √≥culos. A Luxottica possui marcas populares como Ray-Ban, Oakley e outras. Tamb√©m licencia marcas como Polo Ralph Lauren, Burberry e Armani.

O Facebook vem desenvolvendo √≥culos de realidade aumentada no Facebook Reality Labs, em Redmond, Washington. Os desafios do desenvolvimento levaram o Facebook a fazer parceria com a Luxottica. Notavelmente, a Luxottica trabalhou anteriormente com o Google para projetar e desenvolver o Google Glasses, que foi analisado por usu√°rios e cr√≠ticos. Certamente, ele aprendeu algumas li√ß√Ķes trabalhando no projeto do Google.

Os √≥culos de realidade aumentada do Facebook ainda est√£o a 4-6 anos, dando √†s duas empresas muito tempo para criar e refinar o produto. Um grande n√ļmero da divis√£o Oculus VR do Facebook deixou a empresa nos √ļltimos meses.

Enquanto isso, relata que a parceria Luxottica √© para outro projeto com o codinome “Stella”. Os √≥culos inteligentes da Stella estar√£o competindo com os √≥culos da Snap. Stella poderia chegar muito antes de Orion. Aparentemente, o Facebook n√£o se contentou em copiar todos os principais recursos do Snapchat. Com as contribui√ß√Ķes da Luxottica, o Facebook poderia tornar a Stella melhor do que os √≥culos da Snap.

Assim como Orion, Stella terá um assistente de voz dedicado. A gigante das redes sociais vem desenvolvendo seu próprio assistente de IA para oferecer um método de entrada do usuário para seus óculos AR. Também está trabalhando em um sensor de movimento em forma de anel chamado Agios, que ajudaria os usuários com entradas físicas.

Mark Zuckerberg quer usar a c√Ęmera Oculus Insight e os recursos de rastreamento nos pr√≥ximos √≥culos de realidade aumentada. O Facebook disse que um dos maiores desafios com os √≥culos de realidade aumentada era diminuir o tamanho do hardware a ponto de os consumidores acharem atraente. O Magic Leap One e o HoloLens da Microsoft s√£o ridiculamente volumosos na cabe√ßa.

Facebook prioriza desenvolvimento de óculos AR

Zuckerberg pediu ao l√≠der de hardware do Facebook, Andrew Bosworth, que priorizasse o desenvolvimento de √≥culos AR. O hardware e o software AR est√£o em segundo plano nos √ļltimos anos, j√° que o Facebook priorizou os fones de ouvido Oculus VR e os dispositivos de v√≠deo do Portal. A empresa possui centenas de funcion√°rios trabalhando nos √≥culos AR em Redmond.

√ďculos AR inteligentes podem ser a pr√≥xima grande novidade. O Facebook quer que seus √≥culos de realidade aumentada substituam os smartphones. Se isso acontecer, o gigante das redes sociais poder√° controlar o hardware e o software de seus produtos e servi√ßos sem precisar depender do iOS ou Android.

O Facebook n√£o √© o √ļnico a trabalhar com √≥culos AR. A Apple tem apostado muito na realidade aumentada e h√° rumores de que lan√ßar√° seus pr√≥prios √≥culos de realidade aumentada nos pr√≥ximos anos. O Snap fabrica √≥culos. A Microsoft oferece o HoloLens 2. Os √≥culos do Google n√£o foram um sucesso, mas a gigante dos mecanismos de pesquisa continua trabalhando em AR e VR.

0 Shares