Está confirmado, a Apple desacelera seus iPhones antigos para economizar bateria

Antes tarde do que nunca, Maçã senta-se para a questão candente do desempenho decrescente de seus antigos Iphone. Como Fred explicou na terça-feira, um grande alvoroço estourou na semana passada no fórum americano essencial Reddit. Vários internautas declararam ter observado, por meio de benchmarks, uma relação significativa entre a saúde das baterias de seus antigos iPhones e o desempenho de seus respectivos terminais.

Algo para alertar um certo John Poole, fundador da Primat Labs, que então embarcou em um estudo aprofundado desse fenômeno desagradável para o GeekBench. Os resultados desta análise são finais, a Apple está tramando nas sombras e efetivamente restringiu o desempenho de seus celulares antigos por meio de certas atualizações do iOS.

As conclusões de John Poole, porém, apontavam que as ações da empresa de Cupertino não eram triviais. Ao reduzir o desempenho de seus iPhones antigos, a empresa garante prolongar a vida útil de suas baterias de íons de lítio e, portanto, dos dispositivos em questão. A tese da obsolescência programada, portanto, merece ser posta de lado.

Um bom iPhone – não é – um iPhone que desliga…

É precisamente esta filosofia que teria levado a Apple a proceder a esta gestão um tanto discreta da relação desempenho/autonomia.

A empresa de fato se manifestou sobre a questão há algumas horas e confirma ter “lançou uma função para suavizar picos [de consommation] iPhone 6, 6S e SE quando necessário, para evitar que um dispositivo desligue inesperadamente”. A empresa explica ainda que tem “estendeu esta função para iPhone 7 com iOS 11.2”.

O objetivo dessas atualizações, no entanto, é evitar que as baterias de íons de lítio “perder a capacidade de responder [à ces pics] de consumo quando estão frios, quando estão levemente carregados ou quando estão envelhecendo“.

Ainda assim, se as intenções da Apple são louváveis, claramente não é a transparência que sufoca a empresa neste caso. Como aponta o 20 Minutes, os usuários do iPhone 6, 6S, SE e 7 poderiam ter acreditado legitimamente que seu celular era – por causa desses problemas de desempenho – bom para variar, quando neste caso específico apenas a bateria merece ser substituída.

A pergunta que agora temos direito a fazer é a seguinte: será a Apple o único fabricante a tomar tais medidas sem informar os seus clientes? Infelizmente, há uma grande chance de que não…

Artigos Relacionados

Back to top button