Elon Musk quer enviar um satélite financiado por Dogecoin para a Lua

Geralmente, quando falamos de criptomoedas, a primeira coisa que vem à mente é o Bitcoin. Certamente, essa criptomoeda goza de notória popularidade e influência. Aliás, Elon Musk, CEO da SpaceX e da Tesla, recentemente apostou alto no Bitcoin, investindo US$ 1,5 bilhão em Bitcoin na Tesla, mas essa criptomoeda não é a única criptomoeda a agradar aos olhos do bilionário público.

De fato, Elon Musk também tem uma fraqueza por outra criptomoeda: Dogecoin. O último é uma criptomoeda com uma imagem de cachorro “Shiba Inu” semelhante a um meme como seu logotipo. Inicialmente, esse token digital foi visto por muitos como uma piada e a criptomoeda não atraiu muita atenção.

Créditos Pixabay

Mas, como sempre, Elon Musk mudou o jogo. De fato, o CEO da SpaceX decidiu financiar totalmente uma missão espacial à Lua com esta criptomoeda!

SpaceX lançará uma missão lunar financiada por Dogecoin em 2022

Elon Musk é de fato um fervoroso defensor do Dogecoin, que ele chamou em um tweet em fevereiro passado de “moeda do povo”. De qualquer forma, talvez para provar sua confiança na criptomoeda, Elon Musk decidiu que a criptomoeda criada em 2013 pelo engenheiro Billy Markus seria usada para financiar uma operação espacial da SpaceX.

A empresa canadense Geometric Energy Corporation anunciou no domingo, 9 de maio, que a SpaceX lançará um satélite para a Lua em 2022 e que a operação espacial será totalmente paga em Dogecoin. O satélite se chamaria “Doge-1”, terá formato cúbico e pesará 40 quilos.

Elon Musk, o “pai canino” de uma criptomoeda de 70 bilhões de dólares

De acordo com a Geometric Energy Corporation, a missão do satélite será obter “informações espaciais lunares usando sensores e câmeras a bordo”. O Doge-1 também seria um cubesat – formato de nano-satélites – destinado a adquirir “inteligência lunar-espacial”. De qualquer forma, a Geometric Energy Corporation fornecerá o Doge-1 e pagará pela missão. Um foguete Falcon 9 deve ser lançado no primeiro trimestre de 2022, informa o The Verge.

Observe que o anúncio da missão espacial com o Doge-1 veio um dia após a aparição de Elon Musk no programa de comédia satírica americana SNL (Saturday Night Live), no qual ele novamente promoveu o dogecoin.

Além disso, Elon Musk nunca se cansa de se chamar de “Dogefather”. Uma mania que talvez seja justificada pelo fato de que, se a criptomoeda pesava “apenas” 500 milhões de dólares, o Dogecoin agora vale mais de 70 bilhões de dólares.

Artigos Relacionados

Back to top button