Discord desenha uma linha sob pornografia no iOS

Discórdia acaba de anunciar uma mudança em seus termos de uso. A partir de agora, os usuários do iOS não terão mais acesso a conteúdo adulto, independentemente da idade.

Discord, como você provavelmente sabe, permite que qualquer pessoa, indivíduo ou empresa, crie seu próprio servidor. Um servidor no qual é possível trocar entre entusiastas.

Uma mulher segurando o rosto nas mãos
Foto por Anthony Tran – Unsplash

Essas trocas obviamente não se limitam a textos e a plataforma também aceita outras mídias.

No Discord, os servidores que veiculam conteúdo adulto terão que ser marcados como NSFW

Sem surpresa, muitas pessoas, portanto, lançaram servidores para compartilhar conteúdo impertinente, erótico ou completamente pornográfico. E até agora, era impossível distingui-los de outros servidores. Pelo menos não sem se juntar a eles.

Mas isso agora é história antiga. O Discord anunciou no início desta semana que os servidores que veiculam conteúdo adulto devem ser marcados como NSFW. E estamos falando do servidor em sua totalidade, e não de seus canais.

Por sua vez, os usuários menores de 18 anos não poderão mais ingressar nesses servidores.

Mais conteúdo NSFW no iOS

A implementação desta tag pode ser feita pelos administradores do servidor, mas não somente. O Discord de fato marcará automaticamente certos servidores retroativamente para evitar surpresas desagradáveis. Em caso de erro, o administrador pode sempre interpor recurso para solicitar a remoção da etiqueta.

No entanto, esta não é a única medida anunciada pelo Discord. Em sua nota, a empresa também especifica que esses servidores não estarão mais acessíveis no aplicativo iOS.

Nenhuma razão é dada, mas não é necessário ir muito longe para entender o porquê e como. A Apple aplica uma política rígida e a empresa exige que seus editores e desenvolvedores não distribuam conteúdo pornográfico.

Isso explicaria, portanto, as novas medidas tomadas pelo Discord; eles de fato impedirão que o aplicativo iOS incorra na ira dos moderadores da AppStore.

Artigos Relacionados

Back to top button