Desenvolvedor do Terraria cancela lançamento do Stadia após banimento inexplicável do canal do YouTube

Depois de ver seu canal do YouTube ser excluído sem entender o porquê, o desenvolvedor do Terraria decidiu cancelar o lançamento de seu título em Estádio. E, como explica Re-Logic, o dano vai além da incapacidade de enviar novos vídeos.

Um pouco como Minecraft, Terraria é um título que não parece muito à primeira vista, mas que foi usado em várias mídias, o PC com Windows em primeiro lugar. Portanto, não foi uma surpresa vê-lo se aproximando da plataforma Stadia do Google. Só que essa chegada não vai acontecer. VGC conta essa história.

O controlador do Google Stadia

No final do mês passado, a desenvolvedora Re-Logic havia indicado na conta do Twitter seu título Terraria que seu canal no YouTube foi suspenso. E para acrescentar depois que depois de tentar entrar em contato com o YouTube e o Google por três horas, nenhuma resposta foi dada e que o canal estava inacessível por dez dias sem motivo aparente.

Terraria cancelado no Stadia: “fazer negócios com você é uma desvantagem”

A Re-Logic disse que recebeu um e-mail notificando-a de uma violação de serviço no YouTube e, na sequência, todo o conteúdo relacionado no Google foi desativado. Somos informados de que nenhum vídeo foi postado por três meses.

Também em janeiro, o suporte do YouTube no Twitter havia dado instruções à Re-Logic a seguir, sem que isso levasse o desenvolvedor a encontrar seus acessos e dados.

Na segunda-feira, 8 de fevereiro, o fundador da Re-Logic, Andrew Spinks, desafiou o Google sobre os danos já sofridos:

“Minha conta foi desativada por mais de 3 semanas. Ainda não sei por que, e depois de usar todos os recursos à minha disposição para resolver esse problema, você não fez nada além de me irritar. Meu telefone perdeu o acesso a milhares de aplicativos no Google Play. Acabei de comprar o LOTR 4K e não consigo terminá-lo. Meus dados do Google Drive desapareceram completamente. Não consigo acessar meu canal do YouTube. O pior de tudo é perder o acesso ao meu endereço do Gmail, que tenho há mais de 15 anos.”

E em vez de uma ameaça, o desenvolvedor de Terraria vai direto para a sanção ao anunciar que não vai liberar seu título no Stadia:

“Eu não fiz absolutamente nada para violar seus termos de serviço, então não posso deixar de ver você cortar os laços. Considere-os queimados. O Terraria para Google Stadia foi cancelado. Minha empresa não oferecerá mais suporte a nenhuma de suas plataformas no futuro.”

E para concluir:

“Não estarei envolvido em uma empresa que dá tão pouca importância aos seus clientes e parceiros. Fazer negócios com você é uma desvantagem”.

Conhecendo a situação atual do Stadia, é um pouco como atirar em um carro funerário, mas pode-se entender que o relativo silêncio do Google levou a Re-Logic a esse extremo.

Artigos Relacionados

Back to top button