De acordo com Elon Musk, Neuralink nos permitirá transmitir música para o cérebro

A misteriosa startup Neuralink de Elon Musk está desenvolvendo uma interface cérebro-computador capaz de estabelecer uma simbiose entre humanos e computadores. A empresa planeja fazer anúncios no próximo mês.

A Neuralink nos convida a nos encontrarmos no dia 28 de agosto para saber mais sobre suas invenções. Enquanto esperava por este evento, Elon Musk fez algumas revelações no Twitter. O bilionário deu a entender que a interface cérebro-máquina desenvolvida por sua startup seria capaz de tocar música diretamente no cérebro do usuário. Quando o cientista da computação Austin Howard perguntou a ele em um tweet se poderíamos um dia transmitir música para o cérebro por meio dessa interface e sem um fone de ouvido, o cofundador da Neuralink respondeu afirmativamente.

Infelizmente, ele preferiu não entrar em detalhes da tecnologia.

Chips capazes de estimular a liberação de certos hormônios

O patrão da Tesla também confirmou a outro membro da rede social bluebird que os chips desenvolvidos pela Neuralink deverão ser capazes de estimular, se necessário, a libertação de hormonas como a oxitocina e a serotonina.

A Neuralink trabalha no desenvolvimento de interfaces cérebro-computador há cerca de quatro anos. Em 2019, a empresa exibiu um dispositivo que usa lasers para se conectar ao cérebro.

De acordo com um porta-voz, esta tecnologia vai revolucionar a cirurgia cerebral minimamente invasiva. Acredita-se também que ajude a melhorar a vida de pessoas com doenças cerebrais e distúrbios como a doença de Alzheimer e a doença de Parkinson.

Neuralink está recrutando

Vale ressaltar que para esse uso das tecnologias Neuralink no mundo médico, a startup já está realizando experimentos em animais. Também planeja realizar testes em seres humanos este ano.

O mínimo que podemos dizer é que Elon Musk quer ir o mais longe possível no campo das interfaces cérebro-máquina. Prova disso é que a Neuralink está atualmente recrutando engenheiros. “Se você resolveu problemas difíceis com telefones/dispositivos móveis (impermeabilização, processamento de sinal, carga indutiva, gerenciamento de energia, etc.), considere trabalhar na Neuralink”ele twittou recentemente.

Artigos Relacionados

Back to top button