Boas notícias para os jogadores do PlayStation, Call of Duty permanece

Call of Duty ou COD é uma série de videogames de tiro em primeira pessoa sobre guerra. Este jogo muito popular foi criado pela desenvolvedora e editora americana de videogames, Activision Blizzard. Esta última é uma das maiores editoras de videogames do mundo, recentemente adquirida pela Microsoft.

No entanto, ultimamente a Activision Blizzard teve muitos problemas com seus funcionários. Aparentemente a empresa não cuida bem de seus trabalhadores e até o governo interveio e exigiu uma auditoria. A empresa perdeu vários de seus parceiros, incluindo a Lego, que se afastou para não ser manchada pela má reputação da Blizzard. No final, a empresa não teve escolha a não ser aceitar a oferta de aquisição da Microsoft.


chamada à ação
©baz777/123RF.COM

Sobre a aquisição da Activision Blizzard pela Microsoft

A aquisição da gigante de videogames Activision Blizzard pela Microsoft é um dos maiores acordos de aquisição da Microsoft. A transação foi de 68,7 bilhões de dólares. Por este contrato, a Microsoft tornou-se proprietária de Call of Duty, Crash Bandicoot, Warcraft, StarCraft, Overwatch, Candy Crush e outras franquias populares.

Após o anúncio desta aquisição, sentiu-se muita apreensão entre os fãs destes videojogos. Eles se perguntam se esses jogos pertencerão exclusivamente ao universo Microsoft e seus consoles Xbox e o que acontecerá com os IPs do Playstation.

Phil Spencer confirmou que Call of Duty permanecerá no Playstation

De acordo com um representante da Sony, houve acordos contratuais em relação aos jogos Call of Duty, que estão entre os jogos PlayStation mais vendidos. A esse respeito, Phil Spencer, CEO da Microsoft Gaming, anunciou em sua conta pessoal no Twitter que honraria os acordos ao adquirir a Activision Blizzard. Para isso, a Microsoft mencionou seu desejo de manter o famoso jogo de guerra Call of Duty no Playstation. Na mesma linha, ele esclareceu que a Sony é uma parte importante de sua indústria e que o Xbox aprecia esse relacionamento que a empresa tem com eles. No entanto, Phil Spencer não mencionou as outras franquias.

Este tweet pode ser interpretado de mil maneiras porque o anúncio sobre o desejo de manter o tão popular jogo de guerra permanece bastante vago. No entanto, do ponto de vista financeiro, é compreensível que a Microsoft mantenha Call of Duty em uma plataforma muito grande como o Playstation. Como foi mencionado acima, Call of Duty está entre os jogos de Playstation mais vendidos todos os anos, então a Microsoft terá um grande lucro com isso.

fonte

Artigos Relacionados

Back to top button