AT&T é a primeira grande operadora dos EUA a atuar na FCC …

No passado recente, os Robocalls literalmente se tornaram uma ameaça. Os americanos receberam 3,4 bilhões de chamadas em um único mês. Recentemente, a FCC determinou que as operadoras podem bloquear a chamada automática em nome de seus clientes sem ter que aceitar. Seguindo a nova regra, a AT&T anunciou agora que habilitará o Call Protect Service por padrão e bloqueará chamadas automáticas “nos próximos meses”.

O serviço de proteção de chamadas da AT&T não é exatamente novo. Já existe há algum tempo e é um serviço gratuito para clientes pós-pagos. No entanto, os usuários precisavam baixar um aplicativo e se registrar no serviço. A partir de agora, o serviço será ativado automaticamente em todas as conexões da AT&T e eliminará as chamadas de robô. Dito isto, a AT&T ainda permitirá que os clientes optem pelo serviço de proteção de chamadas.

O serviço de proteção de chamadas da AT&T funciona detectando e bloqueando chamadas fraudulentas. O sistema também atribui telemarketing e chamadas de spam como “spam suspeito”. Além disso, você também pode criar e aplicar sua própria lista de bloqueios. Como mencionado anteriormente, a AT&T é a primeira grande operadora dos EUA a ativar o Serviço de proteção de chamadas por padrão. Provavelmente, outras transportadoras seguirão o exemplo, especialmente com a decisão da FCC em vigor.

Nossa Tomada

Não são apenas as operadoras de telefonia móvel e da FCC que estão lutando contra a ameaça de chamadas de robô. A Apple anunciou um novo recurso capaz de enviar chamadas para o correio de voz, se for de um número desconhecido. O recurso funciona pesquisando o número no seu email e textos. Se o número não for encontrado, a chamada é roteada automaticamente para o correio de voz.

Esperamos que os esforços conjuntos de todas as partes interessadas acabem com chamadas de roboc e chamadas de spam em um futuro próximo. O que você faz para evitar chamadas indesejadas? Deixe-nos saber nos comentários abaixo.

Artigos Relacionados

Back to top button