Asus: tudo sobre o Zenfone 3 Laser e Max

Asus realizou ontem uma conferência de imprensa para formalizar as últimas versões da sua gama de smartphones Zenfone 3, e seus mais recentes tablets com tela sensível ao toque. Para além do Zenpad 3S, cujas características são bastante interessantes, a fabricante taiwanesa apresentou dois novos smartphones destinados a dois tipos de utilização diferentes, consoante gostes de resistência ou fotografia.

De certa forma, a marca pretende oferecer uma solução para cada uma das mazelas dos dispositivos móveis modernos. Assim, oferece dois smartphones, sendo um destinado aos entusiastas da fotografia e o segundo, aos profissionais que encadeiam longos dias.

Novo Zenfone 3

Destinado aos entusiastas da fotografia, o Zenfone 3 Laser se destaca de seu gêmeo, o Zenfone 3 Max, cujo leitmotiv é oferecer uma autonomia insolente.

O Zenfone 3 Laser, o mais fotográfico dos dois

Designado sucessor do Zenfone 2 Laser lançado no ano passado pela Asus, o Zenfone 3 Laser oferece uma experiência única em fotografia. Para isso, o aparelho conta com o desempenho de uma tela de 5,5 polegadas com definição Full-HD (1920 x 1080 pixels) do tipo 2,5 D (bordas curvas). O smartphone também é alimentado por um Snapdragon 430, não muito rápido, mas que fará o truque.

Para suportar este chip de outra era, a Asus adicionou 4 GB de RAM e 32 de armazenamento interno. O conjunto é alimentado por Android 6.0 Marsmallow. É a parte fotográfica do smartphone que é interessante, com uma dotação honrosa em particular: na parte de trás, há um sensor Sony de 13 milhões de pixels, apoiado por um foco automático a laser e o flash LED. Nenhuma estabilização óptica anunciada.

Pouco compacto, o Zenfone 3 Laser tem 7,9 mm de espessura e é equipado com sensor de impressão digital na parte traseira, logo abaixo da câmera. Será comercializado no Vietnã por 5.990.000 dongs vietnamitas, ou seja, 241 euros em conversão bruta de acordo com a taxa diária.

zenfone-3-laser

O Zenfone 3 Max, o mais duradouro dos dois

A Asus também pensou em profissionais que encadeiam os grandes dias e gostariam de poder acompanhar suas atividades pelo smartphone.

Para isso, a marca oferece um smartphone resolutamente voltado para a resistência.

Aproveitando um grande argumento, a bateria, que é de uns 4000 mAh, o smartphone é bastante equilibrado em relação ao restante de sua ficha técnica. Assim, há uma tela de 5,2 polegadas definida em HD (1280 x 720 pixels), ao lado de um chip MediaTek MT6735 e 2 ou 3 GB de RAM dependendo da versão.

O Zenfone 3 Max será lançado em poucos dias no Vietnã por 490.000 dongs, ou cerca de 180 euros na conversão bruta de acordo com os preços do dia.

zenfone-3-ax

Artigos Relacionados

Back to top button