Assim eram as 7 maravilhas do mundo antigo

Entre as Sete Maravilhas do Mundo Antigo, apenas uma permaneceu de pé até hoje. Esta é a pirâmide de Quéops. As ruínas destes monumentos, no entanto, continuam a ser pontos de interesse turístico.

A lista foi proposta por Antípatro de Sídon, um poeta da Grécia no século II aC. Ao longo do tempo, vários especialistas contribuíram para a reconstrução de imagens dessas superestruturas antigas.

pirâmide

Mais recentemente, uma equipe de pesquisadores tentou coletar todas as informações disponíveis sobre os sete monumentos. Os dados foram então confiados a uma dupla de arquitetos e designers de produto, nomeadamente Keremcan Kirlmaz e Erdem Batirbek. As renderizações foram finalizadas pela Fractal Motion, uma organização especializada em gráficos. Ela integrou as animações nos arquivos de imagem.

A nova série oferece aos amantes da cultura moderna a oportunidade de fazer um tour virtual pelas Sete Maravilhas do Mundo Antigo.

Investigações aprofundadas para renderizações mais realistas

A primeira equipa recolheu todos os dados relativos aos locais onde os monumentos foram erguidos. Ela também coletou informações visuais e escritas detalhadas sobre cada maravilha. Os pesquisadores realizaram investigações aprofundadas sobre quando cada um dos edifícios foi estabelecido, as técnicas usadas para construí-los e sua finalidade.

Além disso, os cientistas levaram em conta as especificidades das civilizações na origem de cada maravilha.

Para obter uma representação mais precisa de cada monumento, eles coletaram dados sobre os materiais utilizados e as diferentes medidas aplicadas. Eles os gravaram através de imagens de alta resolução.

Técnicas e ferramentas modernas

Os documentos foram então entregues aos designers Keremcan Kirilmaz e Erdem Batirbek. A dupla se encarregou de modelar as maravilhas e inseri-las em um fundo. Para isso, eles reexaminaram locais, dimensões, plantas, estátuas, ornamentos, padrões, texturas, cores, materiais e acabamentos.

Eles usaram dados coletados anteriormente e imagens de satélite. Para compensar certas deficiências, recorreram a imagens retiradas das descrições ou representações mais comuns ou mais impressionantes.

O processo de divisão de imagens e criação de animações ficou a cargo da Fractal Motion. Este último usou o software Cinema 4D chamado Polyfx e After Effects.

Artigos Relacionados

Back to top button