Amazon toma decisão de encerrar o Crucible, apesar do lançamento recente

Se a indústria de videogames há muito é dominada pelo trio Sony, Nintendo e Microsoft, os recém-chegados estão começando a emergir. O Google decidiu entrar no mercado, não com um console, mas com um serviço com o doce nome de Stadia, lançado em novembro passado. Um serviço de jogos na nuvem que permite jogar um grande catálogo de jogos contra uma assinatura, com uma simples conexão à Internet, independentemente do dispositivo: tablet, smartphone, PC… Mesma fórmula do lado da Amazon, que lançou recentemente sua plataforma chamada Luna e com uma proposta tentadora.

Apesar de uma boa impressão nos jogadores com este serviço, a Amazon não evita xadrez videogames.

A Amazon decidiu encerrar o Crucible, seu jogo online gratuito.

Aplausos finais para Crucible, vários meses após seu lançamento

Depois de um pouco beta convincente em julho passado, o Crucible finalmente fechará suas portas. O jogo, publicado pela Amazon e desenvolvido pela Relentless Studios, será lançado em novembro, logo após seu lançamento. Deve-se dizer que o mercado de videogames é muito competitivo, especialmente para jogos online, e que o Crucible não conseguiu convencer. A culpa é da falta de recursos – vamos mencionar a ausência de um bate-papo por voz, no entanto primordial para tal título.

Em seu site, a Amazon retoma os motivos dessa falha e uma decisão duroenquanto a gigante do varejo online está apostando na Luna, sua plataforma de jogos na nuvem.

Em julho, oferecemos o Crucible em versão beta fechada. Compilamos uma lista de recursos que acreditamos que poderiam melhorar a experiência do jogo.O próximo passo foi ouvir o feedback, juntamente com os dados recuperados, para saber qual caminho seguir. Essa avaliação nos levou a uma decisão complicada: vamos interromper o desenvolvimento do jogo. Não vemos um futuro sustentável para o Crucible.

A Amazon avisa mesmo assim que as equipes que trabalharam no Crisol serão transferidas para o New World, seu MMORPG. Resta saber se a empresa não sofrerá outro fracasso com este jogo, pois no mercado de MMORPG é difícil Obrigar contra jogos que existem há anos, World of Warcraft na liderança.

Artigos Relacionados

Back to top button