A Nintendo também atualizou o Switch original com um novo SoC e um pouco mais de armazenamento

nintendo apresentou ontem um novo console, o Mudar Lite. Relativamente próximo do modelo original em termos de design, não utiliza exatamente o mesmo fator de forma e destina-se principalmente ao uso móvel, sem a possibilidade de conectá-lo a uma televisão.

O anúncio fez muito barulho e de repente eclipsou outra informação importante: o Switch original também foi atualizado.

nintendo-switch-shift. credits-pixabay. com

Rumores circulam sobre o Switch Lite há várias semanas. E eles não se limitaram a este único modelo, pois muitos também esperavam ver um Switch Pro chegar.


O Switch também foi atualizado

A Nintendo decidiu no entanto focar apenas no primeiro modelo, para grande desespero de quem não seria contra a ideia de ter um Switch um pouco mais poderoso… e acima de tudo mais bem definido.

Mas precisamente, The Verge bisbilhotou um pouco no banco de dados da FCC e nossos colegas ficaram surpresos ao descobrir um novo documento arquivado pela Nintendo: uma “mudança de autorização Classe II”.

Essas solicitações são bastante específicas e os fabricantes as arquivam quando desejam fazer alterações em um produto que já foi validado pelos serviços da FCC.

Mas isso não é o mais interessante, pois o documento revela um identificador correspondente ao produto em questão – produto que não é outro senão o Switch – e uma lista de todas as alterações feitas neste último.

Um novo SoC e novo para armazenamento

Se a lista em questão não fornecer todos os detalhes técnicos, ainda menciona uma mudança de memória SoC e NAND.

Como o número do modelo não muda, pode-se supor que essas alterações não resultarão no lançamento de um novo console. É, portanto, o Nintendo Switch básico que terá direito a um leve facelift técnico, um facelift que resultará na integração de um novo processador e – esperamos – por um pouco mais de memória interna.

Devemos esperar um ganho real de potência? É muito cedo para saber e o documento não fornece detalhes sobre o novo SoC a bordo. Portanto, não sabemos a configuração de sua CPU e GPU no momento, mas um anúncio da Nintendo não pode ser descartado. Finalmente, a menos que a empresa decida operar debaixo d’água para não frustrar os milhões de pessoas que correram para o Switch quando ele foi lançado.

Artigos Relacionados

Back to top button